Nas praias de B˙zios

 

Antonio Manoel Abreu Sardenberg
SŃo FidÚlis "Cidade Poema"

Poema musicalizado


Nas praias de B˙zios eu abusei,
Deixei o vento me levar
Nas ondas gostosas viajei
E derivei pro alto mar...

Deixa a onda me levar
Para onde ela quiser
Junto dela quero estar
Para o que der e vier...

Nas praias de B˙zios me banhei,
Me lambuzei de tanto amar
Em Ferradura me ferrei
Mas me dei bem em Geribß!

Deixa a onda me levar
Para onde ela quiser
Junto dela quero estar
Para o que der e vier...

Nas praias de B˙zios, naveguei,
Deixei o barco balanšar,
Em Azedinha, me azedei...
Em Tartaruga descansei
E fui levando devagar...

Deixa a onda me levar
Para onde ela quiser
Junto dela quero estar
Para o que der e vier...

Nas praias de B˙zios eu encontrei,
O amor que estava a procurar,
Em ArmašŃo me desarmei
Na praia Virgem me aportei
E me fartei de tanto amar...

Deixa a onda me levar
Para onde ela quiser
Junto dela quero estar
Para o que der e vier...
 

 

 



Todos os direitos reservados ao autor


Musica: ╔ Doce Morrer No Mar - Arthur Moreira Lima